Menu

    Números de Ganso em competições oficiais

    Paulo Henrique Ganso: números em jogos oficiais

    Números de Ganso atuando em jogos oficiais por Fluminense, Santos, São Paulo, Sevilla e Amiens: estatísticas de total de gols, jogos e assistências

    O início no Santos

    Paulo Henrique Ganso inicou sua carreira profissional pelo Santos, em 2008. Inicialemnte, naquela temporada, disputou apenas três partidas pelo Brasileirão. Em 2009, entretanto, o panorama mudaria sensivelmente: o meio-campista atuou em 48 jogos oficiais do Santos, sendo 33 deles aqui pelo Campeonato Brasileiro. Àquela altura, portanto, já havia se tornado titular absoluto da equipe.

    Entretanto, seria na temporade 2010 que Paulo Henrique Ganso atingiria seu melhor momento da carreir. Ao lado de jogadores como Neymar, Robinho e André, o meio-campista encontrou o Brasil e ajudou a levar a equipe da Baixada às conquistas do título paulista e da Copa do Brasil daquele ano, tendo contribuído com 2 gols e 3 assistências neste torneio. Já na conquista do estadual, Ganso marcou 11 gols e deu 8 assistências, totalizando, portanto, 19 participações diretas na caminhada para o título. No jogo decisivo, entretanto, Ganso causou polêmica: ao ser informado que seria substituído, o jogador se recusou a sair de campo – assunto que renderia intermináveis discussões na crônica esportiva, à época. Por fim, o ótimo desempenho do craque no primeiro semestre de 2010 acabou gerando uma expectativa de que ele pudesse ser convocado para a Seleção Brasileira da Copa de 2010, o que acabou não ocorrendo.

    Lesões, retorno em 2011 e transferência

    No segundo semestre de 2010, no entanto, o primeiro grande revés: uma lesão no ligamento cruzado do joelho tiraria o meia do restante da temporada e, consequemente, da disputa do Campeonato Brasileiro. Ao fim de 2010, Ganso acumlou 13 gols e 13 assistências em 43 jogos oficiais. No ano seguinte, em 2011, teria importante participação nas campanhas dos títulos do Paulista e também no da Libertadores, torneio em que contribuiu com um gol e três assistências em sete jogos. No ano seguinte, em 2012, voltou a conquistar o título estadual.

    Ainda em 2012, Paulo Henrique Ganso chegaria a disputar o início do Brasileirão pela equipe da Vila, mas não por muito tempo: em setembro daquele ano, por fim, o meia deixaria a equipe e se juntaria ao São Paulo.

    São Paulo

    Em sua temporada de estreia pelo Tricolor Paulista, Ganso disputou apenas cinco jogos: 3 pelo Brasileirão e 2 pela Sul-Americana, torneio que foi conquistado com triunfo sobre o Tigre-ARG.  Sua estreia pela nova equipe se daria já em novembro, na reta final do campeoanato nacional, em uma vitória por 2×1 sobre o Náutico.

    O ano de 2013, entretanto, seria diferente. Com cinco gols e 12 assistências na temporada, Ganso bateu seu recorde pessoal de jogos, tendo entrado em campo 63 vezes. Em 2014, por sua vez, superaria os números do ano anterior, somando 21 participações diretas (9 gols e 12 assistências) em 61 jogos pelo Tricolor. O bom futebol de Ganso naquele ano contribuiria para que a equipe chegasse ao vice-campeonato brasileiro, conquistado pelo Cruzeiro. O meia seguiria atuando pelo Tricolor até o meio de 2016, quando, enfim partiu rumo ao futebol europeu. Ao fim de sua passagem pelo São Paulo, Ganso marcou 24 gols e deu 47 assistências em 214 jogos oficiais; dessa forma, totalizou 71 participações diretas em gols pela equipe.

    Futebol europeu

    Entre 2016 e 2018, Ganso atuou no futebol europeu defendendo as cores do Sevilla-ESP e do Amiens-FRA. Inicialmente, pela equipe espanhola, disputou 16 jogos oficiais em sua temporada de estreia (2016/2017), marcando três gols. Posteriormente, acabaria perdendo espaço, tendo poucas oportunidades no restante de sua passagem. Ao fim de sua passagem pelo futebol espanhol, Ganso acumulou 7 gols e 6 assistências num total de 27 jogos.

    Posterioremente, já no futebol francês, o meio-campista voltou a ter passagem discreta: após 14 jogos pelo Amiens, nenhum gol marcado e três assistências. Encerrava-se, assim, sua passagem pelo futebol europeu. Finalmente, no início de 2019, Ganso seria contratado pelo Fluminense.

     

     

    Os números de Ganso tiveram como fontes: footstats.net, ogol.com.br, transfermarkt.com e soccerway.com

    – VEJA TAMBÉM: