Menu

    Números de Lucas Paquetá em jogos oficiais

    Estatísticas de Lucas Paquetá em sua carreira profissional

    Números de Lucas Paquetá atuando em competições oficiais: total de jogos, gols e assistências

    OBS: os números de Lucas Paquetá por Milan e Flamengo (jogos, gols e assistências) foram obtidos a partir de pesquisas em sites de estatísticas como footstats.net, soccerway.com, ogol.com.br, e transfermarkt.com

     

    Início no Flamengo

    O começo de Lucas Paquetá nos campos de futebol se deu quando o atleta ainda na infância. Entre os anos de 2006 e 2016, portanto, o meio-campista passou pelas categorias da base rubro-negra. Em 2016, por fim, participou da campanha vitoriosa da equipe de juniores na Copa São Paulo. Dessa forma, acabaria por ter suas primeiras chances na equipe principal.

    Chegada ao profissional

    Inicialmente, ao ser integrado ao elenco principal, Lucas Paquetá demorou a conquistar espaço e ganhar minutos. Dessa forma, por exemplo, atuou em apenas duas partidas oficiais de seu ano de estreia, em 2016. Em um elenco que contava com jogadores experientes como Juan, Diego, Guerrero e Éverton, levaria algum tempo para que o jovem meio-campista passa a atuar com maior frequência. Naquela temporada, por fim, o Flamengo acabaria passando em branco em termos de conquistas: no primeiro semestre, resultados decepcionantes em todas as competições. Eliminado de forma precoce na Copa do Brasil, o rubro-negro também viu seu rival Vasco da Gama ser campeão carioca de forma invicta. No Brasileirão, por sua vez, a equipe terminou em terceiro lugar após estar na liderança em parte do campeonato.

    Protagonismo e titularidade

    Posteriormente, em 2017, seria a vez de Lucas Paquetá, enfim, ganhar espaço na equipe principal. Dessa forma, foram 37 jogos oficiais disputados pelo meio-campista na temporada, totalizando 6 gols marcados. O ano se iniciou de forma positiva para a equipe, com o título do Campeonato Carioca. A sequência, no entanto, guardaria algumas decepções: no Brasileirão, apenas a sexta colocação. No entanto, viriam em torneios eliminatórios as maiores decepções rubro-negras: na Copa do Brasil, a equipe viria a perder a final para o Cruzeiro, nos pênaltis. Por sua vez, em âmbito continental, a decepção ficaria por conta do vice-campeonato na Copa Sul-Americana, ao perder a decisão para o Independiente-ARG.

    Em 2018, finalmente, Lucas Paquetá já seria um titular absoluto do rubro-negro; com 56 jogos oficiais disputados na temporada, o meio-campista acabaria sendo o terceiro atleta com mais partidas disputadas, atrás apenas de Renê e Éverton Ribeiro. Além disso, marcou 12 gols ao longo do ano (o dobro da marca obtida em 2018). Em uma temporada marcada por cobranças ainda maiores por títulos, no entanto, o Flamengo voltaria a decepcionar. No Campeonato Carioca, a equipe não foi capaz de impor a superioridade de seu elenco sobre os adversários, ficando fora das finais, após eliminação para o Botafogo. Por sua vez, voltou a ter seu sonho frustrado em âmbito continental, com outra eliminação para o Cruzeiro, que já havia sido algoz da Copa do Brasil em 2017. Finalmente, nos torneios nacionais, outras decepções: eliminado nas semi-finais da Copa do Brasil para o Corinthians e vice-campeão brasileiro, superado pelo Palmeiras. Lucas Paquetá, portanto, acabaria deixando o clube tendo conquistado apenas o Estadual de 2017. Ao fim de sua passagem pelo Flamengo, os números de Paquetá foram: 18 gols em 95 jogos.

    Futebol Italiano

    Finalmente, em janeiro de 2019, o meio-campista seria apresentado como novo reforço do Milan. Em sua temporada de estreia (2018/19), foram 17 jogos oficiais disputados, tendo marcado um gol.