Menu

    Rafinha – números no Flamengo e futebol europeu

    Números do lateral Rafinha

    Números de Rafinha atuando pelo Flamengo e no futebol europeu: total de jogos, gols e assistências por Flamengo, Bayern, Schalke 04 e Genoa

    O início

    Rafinha iniciou sua carreira atuando pelo Coritiba, na temporada de 2003. Inicialmente, sob o comando do técnico Antônio Lopes, o lateral participou da campanha do título paranaense de sua equipe naquele ano. Logo depois, no Brasileirão, integraria o grupo que levaria o Coxa à sua melhor colocação nos pontos corridos, o quinto lugar. Dessa forma, a equipe sua equipe acabaria garantindo vaga para a disputa da Libertadores do ano seguinte.

    Em 2004, finalmente, Rafinha passaria a ter espaço na equipe principal do Coritiba. Inicialmente, a temporada começaria de forma decepcionante, com sua equipe sendo eliminada ainda na fase de grupos da Copa Libertadores. O lateral, no entanto, só viria a estrear pela equipe mais tarde, no Campeonato Brasileiro. Dessa forma, já como titular da posição, Rafinha disputou 24 dos 46 jogos de sua equipe no torneio nacional. Finalmente, em meados de 2005, o lateral acabaria se transferindo para o futebol alemão. Ao fim de sua passagem pelo Coxa, os números de Rafinha foram: 51 jogos oficiais e 5 gols.

    Chega ao futebol europeu

    Inicialmente, a história de Rafinha no futebol do velho continente começou a ser escrita defendendo o Schalke 04, da Alemanha. Ao longo de cinco temporadas (2005/06 até 2009/10), o lateral brasileiro disputou 198 jogos oficiais pela equipe, tendo sido titular absoluto na maioria delas: 18. Ao fim de sua passagem pelo Schalke, o atacante totalizia 11 gols. Por fim, encerrada sua última temporada pela equipe, Rafinha partiria rumo do futebol italiano.

    No Genoa, por sua vez, Rafinha acabaria disputando apenas uma temporada. Sua passagem por lá, no entanto, foi suficiente para que um verdadeiro gigante do futebol europeu demonstrasse interesse em sua contratação. Dessa forma, deixou a equipe italiana com um total de 37 jogos disputados na temporada 2010/2011, tendo marcado dois gols. Logo depois, confirmaria sua saída rumo ao Bayern de Munique.

    Auge no Bayern

    Foi defendendo as cores do Bayern de Munique, entretanto, que Rafinha alcançou suas maiores glórias no futebol da Europa. Logo em sua época de estreia, 2011/2012, o lateral disputou 35 jogos oficiais pela equipe bávara, tendo sido titular em 28 deles. No entanto, a temporada se encerraria com um sabor amargo, pela ausência de títulos: na Bundesliga e na Copa Nacional, o vice campeonato. Por fim, a maior decepção acabaria sendo a derrota na final da Liga dos Campeões, em jogo disputado em sua casa, para Chelsea, nos pênaltis.

    A temporada seguinte, entretanto, acabaria por contrastar brutalmente com a inicial, em termos de conquistas. Em 2012/2013, o Bayern de Munique de Rafinha viria a conquistar todas as competições que disputou: Liga Alemã, Copa da Alemanha, Supercopa da Alemanha, Mundial de Clubes e, a maior glória, a Liga dos Campeões da UEFA.

    No total de sua passagem pelo Bayern, Rafinha seguiria conquistando títulos e acumulando, até sua saída, 266 jogos oficais, ao fim de 2018/2019. Abaixo, a lista completa de títulos do lateral brasileiro pelo gigante bávaro:

    • 7 Ligas Alemãs
    • 4 Copas da Alemanha
    • 3 Supercopas da Alemanha
    • 1 Liga dos Campeões da UEFA
    • 1 Mundial de Clubes

    Finalmente, após 14 anos na Europa, Rafinha retornaria ao futebol brasileiro, onde passou a atuar pelo Flamengo a partir de julho de 2019.

     

    Flamengo

    O retorno de Rafinha ao futebol brasileiro, por sua vez, não poderia ser melhor: apesar de ter participado do jogo de eliminação do rubro-negro na Copa do Brasil, para o Athletico, aquele seria o único grande revés da temporada. Posteriormente, na sequência do segundo semestre, o lateral assumiria de vez a titularidade da equipe e, dessa forma, participaria diretamente das conquistas do Brasileirão e da Libertadores daquele ano.